Tintos, Brancos e Rosés

 

Vinhos com Denominação de Origem Protegida “MADEIRENSE”
Vinhos com Indicação Geográfica Protegida “TERRAS MADEIRENSES”

 

Desde o final da década de 70 do século passado, a Região iniciou os estudos da adaptação de várias castas regionais, nacionais e estrangeiras, para a produção de vinhos tranquilos. Neste seguimento e fruto dos resultados que se começaram a desenhar, alguns viticultores lançaram-se neste novo desafio dos vinhos tranquilos e, assim, se iniciaram, vinte anos depois, as primeiras plantações destinadas exclusivamente à produção de vinhos tranquilos.

 

Em 1999, o Governo Regional, decidido a apoiar e incentivar os produtores de vinho tranquilos, cria uma legislação própria para o efeito e disponibiliza a tecnologia e os serviços de enologia da Adega de S. Vicente para a produção de vinhos de qualidade.

Actualmente, o vinho tranquilo de qualidade produzido na Madeira pode ter duas denominações: Vinhos com Denominação de Origem Protegida “MADEIRENSE” e Vinhos com Indicação Geográfica Protegida “TERRAS MADEIRENSES”.